Não é novidade para ninguém que as redes sociais fazem parte do dia a dia de empresas que não abrem mão do Marketing Digital para conquistar mais espaço no mercado. Elas são, sem dúvida, grandes aliadas, uma vez que ajudam as marcas a se relacionarem diretamente com o público, a propagar o conteúdo produzido e a acompanhar, de perto, as ações programadas, a fim de detectar problemas e corrigi-los tão logo forem identificados.

As vantagens não são poucas. No entanto, apesar de terem uma inegável relevância, alguns mitos atrelados às redes sociais se propagam e, de certa maneira, geram dúvidas em alguns profissionais à frente de marcas no cenário digital. Hoje, desmistificaremos alguns deles, os mais comuns, de modo que você possa seguir em frente e fazer um bom uso de tais ferramentas.

1. O número de fãs ou de seguidores é determinante para seu sucesso?

Não necessariamente. Não há garantia de que todas essas pessoas que acompanham uma marca nas redes sociais estão comprometidas com ela a ponto de se tornarem divulgadoras de seu conteúdo. O ideal é identificar aquelas que têm o perfil da persona ideal, isto é, que têm características que se aproximam do público que a sua marca visa atingir. É para essas pessoas que a sua marca deve falar. É na direção delas que a sua comunicação deve apontar, a fim de conquistá-las e para que mais pessoas, com o mesmo perfil, sejam, de alguma maneira, impactadas.

2. Meu público não está nas redes sociais… Será?

Semana passada, falamos aqui sobre a resistência de alguns empresários no que diz respeito a ações na Internet. Não há como fugir. As relações tendem a ser cada vez mais digitais e, acredite: seu público está, sim, nas redes sociais. Faça uma busca mais detalhada para identificá-lo também neste ambiente.

3. Quanto mais hashtags melhor?

Definitivamente, não. Seja econômico no uso de hashtags. Elas são importantes, sem sombra de dúvidas, mas é preciso ter cautela. Menos é mais também aqui, nas relações virtuais. Identifique três fortes hashtags que funcionem como um bom filtro e mande ver. Mais do que isso é excesso. O aspecto visual, se você analisar bem, nem é dos mais atraentes quando se lança mão de inúmeras delas.

4. Comentários negativos devem ser excluídos?

Não mesmo. Saiba lidar bem com o feedback negativo. Nenhuma empresa está livre disso. Nem a sua. Exclui-los a fim de mascarar um problema pode ter um resultado ainda pior. Use isso a seu favor. Dialogue com essas pessoas. Dê especial atenção. Muitas vezes, o que as pessoas mais querem é serem ouvidas pelas empresas. Conflitos são resolvidos com diálogo e não é apagando as menções negativas à sua marca que você resolverá seus problemas. Encare-os. Pode não ser das tarefas mais fáceis, mas é, sem dúvida, a escolha mais acertada. Vale dizer que também não é impossível virar o jogo. Muitas empresas conquistaram um público ainda mais fiel e tiveram excelentes insights depois de encararem as críticas, sem medo.

[Webinar Gratuito]

Estratégias digitais para negócios B2B enfrentarem a crise.

Neste webinar gratuito gravado em uma participação da SMV Brasil, Vitor Guerson, CEO da Tsuru, esclarece como negócios B2B podem extrair bons frutos de estratégias de marketing digital nesse momento de crise mundial.

Acesse aqui e assista agora

Muitas vezes, o que as pessoas mais querem é serem ouvidas pelas empresas. Conflitos são resolvidos com diálogo e não é apagando as menções negativas à sua marca que você resolverá seus problemas. Encare-os.

5. Tenho que criar um perfil em todas as redes sociais?

Não, isso não é necessário. De que adianta marcar presença em várias delas e não aproveitar devidamente a particularidade de cada uma? De que adianta estar em várias redes sociais, mas não conseguir estabelecer um diálogo com seu público em todas elas? Será mesmo necessário? Não, não é. A escolha das redes sociais dependerá muito da forma com que a sua empresa se comunica com o público. Aí, então, será preciso analisar quais redes mais atendem às necessidades de seu negócio e que mais serão capazes de auxiliá-lo nessa comunicação.

6. Será que conseguirei gerar leads com a ajuda das redes sociais?

Acredite. Elas são, sim, perfeitamente capazes de gerar leads. Talvez o que falte para sua empresa obter esse tipo de resultado é tentar. Você já colocou a sua empresa à prova? Que tal usar a força de tais ferramentas e checar se elas, verdadeiramente, trarão bons resultados? Você só descobrirá tentando. Sendo assim, mão na massa! A geração de leads vai depender e muito da sua dedicação, da atenção que você dá aos seus canais digitais.

A Tsuru quer conversar um pouco mais sobre estes e outros mitos. Topa? Entre em contato conosco!

Campanha Planejamento 2021