O e-mail marketing é, ainda hoje, uma das mais poderosas ferramentas que as empresas têm para aumentar a base de clientes e, consequentemente, o faturamento. O que muita gente não sabe é como usá-la corretamente para conquistar tudo isso.

 Movidos pelo interesse de atingir o maior número de pessoas em um curto espaço de tempo, muitos empresários acabam fazendo um mau uso dela. A isso, dá-se o nome de SPAM, que nada mais é do que o envio precipitado – e, muitas vezes, aleatório – de mensagens, sem a preocupação de focar em quem realmente quer receber determinado conteúdo ou que pode vir a se interessar pelo que uma empresa tem a oferecer.

Não caia na caixa de SPAM

A linha que separa a eficaz ferramenta (e-mail marketing) do temido filtro (SPAM) é tênue, mas é fácil evitar cair no erro das mensagens automáticas, porém indesejadas. É comum vermos empresas comprando listas de e-mails e disparando sem critério algum. A ilusão de que isso trará mais pessoas para o negócio é equivocada, uma vez que ao invés de trazer resultados positivos, isso apenas contribui para que a empresa construa uma imagem negativa com quem pretendia conquistar e fidelizar. Se a intenção era se aproximar do público e fazê-lo se interessar pelo que a empresa oferece, isso só o afasta. Você não quer que as pessoas torçam a cara sempre que uma mensagem da sua empresa aparecer na caixa de e-mails delas, quer?

Deixe que o público decida o que receber

Outra maneira de caracterizar as suas mensagens como e-mail marketing e não como SPAM é dando às pessoas o direito de decidir se querem ou não receber promoções, lançamentos, ofertas especiais e tudo mais. Não faz sentido insistir no envio de conteúdo, por mais incrível que seja aos seus olhos, a quem está decidido a não consumir seus produtos. Acredite: essa insistência não fará com que as pessoas cedam e resolvam gostar da sua marca de uma hora para a outra. Pelo contrário! Isso fará com que elas tenham cada vez mais antipatia por ela. Além disso, há programas que identificam mensagens enviadas, em grande quantidade, de um mesmo IP e as direcionam para a pasta SPAM.

spam

Seja justo. Mensagens simples do tipo “não quero continuar recebendo promoções da empresa X” ou “quero receber novidades da empresa Y”, por exemplo, irão filtrar quem deve e quem não deve ser impactado por tais ações.

E-BOOK

Facebook para negócios locais

Um guia prático, com passo a passo, para negócios locais alcançarem mais clientes. Se você tem um negócio local, baixe agora gratuitamente este e-book.

Acesse aqui o e-book

Baixo custo

Além de eficaz, o e-mail marketing é de baixo custo, o que torna mais fácil ainda o processo de conquista de mais público. Não ponha esse trabalho simples e tão positivo para o seu negócio a perder. Construa um nome do mercado com ações assertivas, práticas e bem objetivas e aproveite para faturar. Como? Atingindo quem deve ser atingido. Para isso, monte uma lista de e-mails específicos, isto é, de pessoas que naturalmente gostam da sua empresa, que espontaneamente mostram interesse em receber novidades ou que, com base em pesquisas e dados previamente colhidos, podem vir a se interessar, e faça bom uso da ferramenta.

Capriche no conteúdo

As mensagens automáticas direcionadas a quem quer recebê-las devem ser cuidadosamente pensadas. Um conteúdo criativo, que traz vantagens ao consumidor e que não se prende unicamente aos interesses comerciais, tendem a ser mais bem vistas. Analise a melhor maneira de enviar esses e-mails de forma original, nada exaustiva e que estimule em quem as recebe o interesse pela compra.

Como você pôde notar, algumas atitudes simples ajudam a trazer um retorno positivo para o caixa da sua empresa. Não tem por que tanta precipitação, tanta pressa para conquistar novos clientes. Se insistir nisso, o resultado pode ser exatamente contrário do que se espera.

Se você é do tipo de empresário que volta a ação de e-mail marketing para quem se interessa pelo que a sua empresa tem a dizer e não se engana com a ideia de que vale a pena atingir um público maior através de estratégias desastrosas, pode ter certeza de que está no caminho certo.

Quer continuar esta conversa? Então não deixe de entrar em contato conosco para que possamos mostrar mais detalhadamente a eficácia do e-mail marketing e o quão ruim o SPAM pode ser para os negócios.

Campanha Renove-se 2019