Crescer para lucrar. Esse é o lema de quem enxerga longe e mira na ampliação da atuação, a fim de gerar novas oportunidades de negócio. Uma boa estratégia de marketing digital é a responsável por trazer mais e melhores resultados. O Inbound Marketing, que já mostrou quão positivo é para as empresas, é a principal delas, inclusive para quem investe em franquias.

A abordagem do Inbound, que tem o propósito de gerar interesse no público através de um conteúdo de qualidade e que por isso vai na contramão da estratégia de marketing tradicional, funciona também para quem investe em franquias. Quão melhor é gerar no público o interesse em adquirir algo em vez de induzi-lo a isso, de empurrar uma oferta, por exemplo? É difícil dimensionar, mas é fácil concluir que tornar-se atraente para motivar um movimento natural desse público é, sem dúvida, muito melhor para qualquer negócio.

Hoje, mostraremos como a estratégia funciona para expandir franquias, atrair franqueados, bem como quais são os 8 passos que devem ser implementados por quem quer crescer e lucrar, mas de uma maneira mais prática, mais rentável e mais inteligente. Em suma, o Inbound Marketing é para quem quer que o seu negócio seja a opção escolhida por quem procura uma franquia para investir.

O Inbound Marketing é para quem quer que o seu negócio seja a opção escolhida por quem procura uma franquia para investir.

1.  Trace suas metas

Um importante passo é definir as metas antes mesmo de colocar em prática qualquer ação. Quando falamos de metas, nos referimos a todas, isto é, as de curto, médio e longo prazo. Determine os deadlines, honre-os e saiba exatamente quais serão os caminhos a serem percorridos. E lembre-se: o Inbound funciona justamente por calcular todos os passos, o que reduz consideravelmente os erros. Ao definir suas metas e acompanhar a evolução do que é posto no ar, você passa a ter um controle maior do número de visitantes, dos estágios em que essas pessoas se encontram no funil de vendas, dos leads qualificados adquiridos e das taxas de conversões.

2. Crie personas

A criação de personas é uma das etapas do planejamento de comunicação. Com elas, você trabalha um determinado público, conhece o seu perfil, seus interesses e desenvolve ações mais específicas, com mais chances de impactar essas pessoas. Se você tem uma franquia de roupas de moda feminina, por exemplo, e tem o interesse de alcançar pessoas interessadas em investir no ramo, precisa direcionar corretamente as suas ações. De nada vale fazer essa divulgação de forma abrangente. O impacto não é o mesmo e quem mais interessa para a sua franquia, pode não ser atingido.  

3. Mapeie a Jornada de Compra e o conteúdo

Criou as personas? Ótimo. Feito isso, é chegada a hora de dar o passo seguinte: o mapeamento da Jornada de Compra do consumidor. Uma dica que vale a pena a ser seguida está diretamente ligada aos vendedores do seu time. Consulte-os para saber quais são as perguntas mais comuns a fim de adotar uma abordagem mais certeira, com mais chances de culminar em conversão. Com isso, você saberá que conteúdo levar a essas pessoas e, assim, aumentar as chances de trazê-las para o seu negócio.

[Webinar Gratuito]

Estratégias digitais para negócios B2B enfrentarem a crise.

Neste webinar gratuito gravado em uma participação da SMV Brasil, Vitor Guerson, CEO da Tsuru, esclarece como negócios B2B podem extrair bons frutos de estratégias de marketing digital nesse momento de crise mundial.

Acesse aqui e assista agora

4. Crie conteúdo para cada etapa do funil

O conteúdo criado deve respeitar cada etapa dentro do funil de vendas. O lead que está em uma ponta não receberá o mesmo conteúdo que o que está no extremo oposto. Para aqueles que se encontram no topo, o assunto deve ser mais abrangente, uma vez que este tem a missão de dar o primeiro “empurrão” nessas pessoas para dentro do funil. O universo do seu negócio, por sua vez, deve ser o conteúdo usado para conversar com os leads do meio do funil. Já para aqueles que estão no fundo, o ideal é apresentar a solução, de modo que ele sinta-se motivado a realizar a conversão.

5. Qualifique leads

Trabalhe o fluxo de nutrição, de modo que seja possível identificar e qualificar leads com potencial de vendas. O ideal é focar a ação em quem mais interessa, isto é, em quem tem mais chances de investir na sua franquia. Deste modo, a sua equipe não perde tempo com usuários desqualificados e que não estão verdadeiramente dispostos a fechar negócio.

6. Ligue em até 24 horas

Você tem 24 horas para abordar um lead qualificado interessado em adquirir uma franquia. Sendo assim, ligue, mande WhatsApp, aja! Ao tomar essa iniciativa, você acaba com a dúvida de quem ainda está às voltas com a decisão de ir para a sua franquia ou para a da concorrência. Sendo assim, tome a frente e garanta que o seu público prefira o seu negócio.

7. Mensure os dados

O acompanhamento das ações, do impacto que elas causas e das reações que provocam é fundamental dentro do Inbound Marketing. É isso o que faz a estratégia valer a pena. Com franquias, isso não é diferente. Acompanhe a origem do seu tráfego e o desempenho dos canais. É importante também saber quais deles convertem mais (para investir mais nisso) ou menos (para promover mudanças).

8. Fuja dos erros comuns dos franqueadores no Inbound Marketing

Não espere resultados na hora. O Inbound é uma ação planejada (esse planejamento dura de 1 a 2 meses), que, se bem executada, garante ótimos resultados, mas não imediatos. É importante ir construindo isso aos poucos e não esperar que as coisas aconteçam de uma hora para a outra. Seja paciente, confiante e incansável na tarefa de fazer a sua franquia atraente para o seu público.

Vamos conversar mais sobre isso? Então clique aqui  e fale com um dos nossos consultores para receber mais dicas de como tornar a sua franquia a melhor opção para o seu público.

Campanha Planejamento 2021