De todas as redes sociais, o Facebook segue sendo a principal no que diz respeito à presença de empresas que têm como meta aumentar o alcance, se relacionar com o público e, entre outras coisas, vender mais. Para as pequenas empresas, em especial, o site se tornou uma necessidade da qual não se deve abrir mão, afinal de contas, é lá onde tudo (ok, quase tudo) acontece e ações são realizadas a favor do crescimento de um negócio.

Hoje, não é novidade dizer que promover uma marca no Facebook é vital para qualquer empreendimento, seja lá qual for ele, no entanto, há de se ter cuidado. Embora não faltem motivos para investir fortemente no canal, é importante calcular muito bem cada passo, de modo que tudo aconteça conforme planejado. O aumento do engajamento, o custo relativamente baixo em relação às ações tradicionais (e offlines) e a oportunidade de fazer uma ampla divulgação do que é comercializado são apenas três exemplos de vantagens possíveis de se obter no Facebook. Não é uma exclusividade desta rede social, é claro, mas uma coisa é certa: ela continua sendo o centro das atenções tanto das empresas quanto dos usuários comuns. Mas para que tudo funcione e, de fato, traga resultados mais do que satisfatórios, é importante estar alerta a fim de não cometer erros que coloquem tudo a perder.

Banner eBook Marketing Digital

Vale dizer que, ainda hoje, alguns erros são muito comuns, principalmente entre pequenas empresas. Há quem não se importe com determinadas ações e que não entenda que elas fazem toda a diferença. O resultado disso? Empresas com uma atuação fraca, nada impactante e que ao invés de ajudar, só atrapalham o próprio desempenho no cenário online. As consequências negativas, naturalmente, são inevitáveis. Para evitar que isso aconteça com o seu negócio, nós o convidamos a ficar ciente de tais tropeços, de modo que você desvie deles e ache o atalho rumo ao sucesso. Antes disso, uma observação: no que diz respeito à atuação de empresas que visam se projetar, o Facebook não é lugar para amadores. Seja muito profissional nesse ambiente de muita descontração, mas também de decisões sérias e decisivas.

Não abra mão do planejamento

Não comece nada no Facebook sem antes definir as ações, sem estudar cada passo, cada abordagem e sem saber o que você realmente quer alcançar com essa atuação digital. Engana-se quem pensa que basta entrar, de uma hora para a outra, e lançar um conteúdo aleatório. As coisas não funcionam dessa maneira. O planejamento é o primeiro e grande passo. Não convém deixá-lo de lado.

Preocupe-se mais com a imagem

Cada marca tem (ou deveria ter) uma identidade visual. Isso é importantíssimo por várias razões, entre elas, para chamar a atenção das pessoas e mantê-las interessadas no seu negócio. No que diz respeito à presença online de marcas, a aparência conta muito. Há quem não se importe tanto com isso e use o espaço com pouca criatividade e de forma nada atraente. Saiba fazer da página da sua empresa algo interessante aos olhos de quem importa para ela. Adapte a sua marca aos padrões do Facebook, mas nunca perca a identidade. Destaque-se! Mostre a que veio!

[Webinar Gratuito]

Estratégias digitais para negócios B2B enfrentarem a crise.

Neste webinar gratuito gravado em uma participação da SMV Brasil, Vitor Guerson, CEO da Tsuru, esclarece como negócios B2B podem extrair bons frutos de estratégias de marketing digital nesse momento de crise mundial.

Acesse aqui e assista agora

Promoções, sim, mas sem exagero

A sua empresa é daquelas que usam o Facebook apenas para lançar promoções? Este é outro grande erro. Embora o público se interesse por ações do gênero, não é certo se limitar a isso. As pessoas querem receber também um conteúdo bem elaborado, querem saber o que as marcas têm a dizer, como se posicionam e como se vendem. Quanto mais criativo, melhor.

Nunca deixe a página desatualizada

Mantenha sempre a página da sua empresa ativa. Abandoná-la ou atualizá-la sem muito compromisso com regularidade  pode contribuir para o seu enfraquecimento no ambiente online. Traga sempre bom conteúdo, comprometa-se a fazer isso constantemente e, se possível, com uma frequência pré-definida. Uma dica boa é elaborar uma grade de programação, que  ajuda a pôr ordem nas publicações.

Eis aí alguns dos erros comuns cometidos por pequenas empresas no Facebook. A lista é bem maior e é importante fugir desses maus passos. Entre em contato conosco para que possamos identificar as suas falhas e orientá-lo de que modo conduzir o seu negócio nessa que é a maior e mais importante rede social do mundo.

Campanha Planejamento 2021