CRM se refere, ao pé da letra, à gestão de relacionamento com o cliente. Mas, na prática, o que significa e para que serve este software? É sobre isso que falaremos no artigo de hoje.

A gestão sugerida pelo CRM tem o propósito de fazer um acompanhamento mais direto das interações dos clientes já existentes e dos que estão por vir. Alguns deles controlam dados como nome, e-mail e telefone do cliente ou potencial cliente. Há também os que acompanham o feed de redes sociais, chamadas telefônicas e registros de e-mails enviados a esses leads. Há, inclusive, aqueles que direcionam esses contatos aos representantes de vendas, acelerando assim o processo de compra.

Em suma, o software tem a missão de facilitar essa relação, de ter esses contatos mais por perto para agilizar as conversões e fazer do processo de fidelização algo mais concreto. Com mais interação, mais aproximada a sua marca está de seu público e maiores as chances de fazer negócio com essas pessoas.

A equipe de vendas usa o CRM para ter controle e acesso a todo o histórico do prospect em um único lugar, sem ter que usar um monte de programas diferentes para tentar saber o que fazer na próxima chamada telefônica com o prospect, assim economiza tempo e melhora a produtividade.

A equipe de vendas usa o CRM para ter controle e acesso a todo o histórico do prospect em um único lugar.

Sua empresa já tem um sistema de CRM?

Se ainda não, é melhor pensar em ter por uma questão de organização, de ter o pleno controle das interações. Uma planilha de excel supre, em parte, essa necessidade, mas o uso de um software a fim de facilitar o controle de um número crescente de clientes se faz fundamental.

[Webinar]

Não deixe o seu marketing em quarentena. Saiba o que fazer!

Webinar sobre os desafios da quarentena para o mercado e ações práticas de marketing que você pode executar para diminuir os impactos da crise e te ajudar a passar por este momento.

Acesse aqui e assista agora

E qual software de CRM escolher, afinal?

Isso varia de empresa para empresa, isto é, das necessidades específicas que cada uma tem. Por exemplo, se há a necessidade de identificar os clientes mais engajados, é mais interessante optar por um que auxilie a equipe de vendas a identificar para quem e em que momento telefonar, caso ela não tenha esse tipo de controle. Tal escolha varia também de acordo com o tipo de interação: mídias sociais? E-mail? Ligações telefônicas? A combinação de mais de um desses tipos? Não importa. Há software para esse tipo de necessidade também. Agora se a sua empresa trabalha com interações com muitas pessoas que envolvem transações B2B, cabe optar por aquele que lhe forneça dados sobre a organização em que esses leads trabalham.

Identifique os recursos que sua empresa precisa

É isso o que vai definir qual software de CRM é o mais adequado a adotar. Em que a sua empresa precisa investir para zelar por uma interação produtiva? O que ela precisa para potencializar isso? De quais recursos ela precisa para fazer um trabalho de excelência?

Ter um software de CRM é fundamental se está nos seus planos fazer a sua empresa crescer. Esta é a sua meta? Então adote um. Se tiver dúvidas sobre qual escolher, entre em contato com a Tsuru Agência Digital.