Landing Page, como já havíamos dito aqui, nesta publicação, nada mais é do que uma página de conversão criada para transformar visitantes em leads ou clientes. Para saber mais detalhes, sugerimos a leitura do artigo citado acima. No de hoje, apresentaremos algumas dicas que o ajudarão a atrair novos leads que representarão novas conversões para o seu negócio.

1. Primeira etapa: conquiste o público-alvo

Você precisará conquistar as pessoas certas para mantê-las ligadas nos seus canais digitais e interessadas em saber o que o seu negócio tem a oferecer de vantajoso. Antes de dar início a esse processo de geração de leads, você precisa saber muito bem quem são as pessoas que deseja atrair para o seu empreendimento. Assim, poupa-se tempo e dinheiro desenvolvendo ações específicas para um grupo de pessoas mais aptas a, de fato, deixarem de ser visitantes para se tornarem clientes. Deste modo, com o público-alvo bem definido, a Landing Page será totalmente pensada para trazê-lo cada vez mais para perto: títulos, imagens, CTAs, enfim, tudo isso deve ser desenvolvido considerando os interesses dessas pessoas.

2. Ofereça uma vantagem irresistível

Quer que essas pessoas preencham o formulário da Landing Page com seus dados? Então ofereça uma vantagem. Elas precisam de um bom motivo para fornecerem informações pessoais, então se você deseja aumentar o seu banco, pense em algo que possa servir como moeda de troca. Baixar gratuitamente um e-book com um conteúdo relevante? Um webnário? Condições facilitadas para um curso? Não importa. Isso vai depender do que você tem a oferecer e do que seus potenciais clientes veem como vantagem. Para tomar conhecimento disso, saiba quem eles são. E não esqueça: uma boa experiência gratuita pode representar um passo largo rumo a uma conversão. Proporcione isso aos seus futuros clientes. Seu negócio só tem a ganhar com isso.

Uma boa experiência gratuita pode representar um passo largo rumo a uma conversão. Proporcione isso aos seus futuros clientes. Seu negócio só tem a ganhar com isso.

3. CTAs e títulos atraentes

Elabore Call to Actions e títulos atraentes a fim de fisgar o público-alvo. Além disso, vale lembrar que os botões do CTAs devem ficar muito bem visíveis e que o conteúdo deve ser tão interessante quanto as chamadas que levam a ele. Caso contrário, as pessoas não pensarão duas vezes em abandonar o site.

4. Não hesite em mostrar que seu canal é confiável

Uma dica é mostrar comentários de pessoas que tiveram boas experiência com seu negócio. Há comentários positivos em um site que uma referência? Por que não exibi-los? Que tal mostrar o número crescente de compartilhamentos que as suas publicações têm? Isso reforça a credibilidade que a sua empresa construiu e mantém com o público já conquistado. Assim, você passa uma imagem de confiança, o que faz com novas pessoas sintam-se mais seguras a dar um passo. Assim, influenciadas pela boa reputação e influência que o seu empreendimento tem no meio, elas irão se aproximar cada vez mais do seu negócio, pode acreditar.

5. Não esqueça de otimizar seu site!

Proporcionar a mesma qualidade de navegação pelo site via dispositivos móveis é o tipo de coisa que você deve levar muito a sério. Lembre-se sempre que a sua luta constante deve ser prender a atenção de quem acessa o seu site. Se o acesso via smartphone, por exemplo, representar uma experiência ruim, as pessoas fatalmente desistirão de passear por ele. Dito isto, não perca uma conversão em potencial. Invista em otimização.

[Webinar Gratuito]

Estratégias digitais para negócios B2B enfrentarem a crise.

Neste webinar gratuito gravado em uma participação da SMV Brasil, Vitor Guerson, CEO da Tsuru, esclarece como negócios B2B podem extrair bons frutos de estratégias de marketing digital nesse momento de crise mundial.

Acesse aqui e assista agora

6. Que tal produzir vídeos?

Vídeos podem ser uma boa opção para ajudar a Landing Page a decolar, uma vez que este tipo de conteúdo eleva consideravelmente o número de conversões. Aproveite a boa relação que as pessoas, de uma maneira geral, têm com esse tipo de mídia. Use-os para contar boas histórias e para estimular as pessoas a agirem, de verdade. Muitas vezes, elas precisam só de um empurrãozinho. Um vídeo bem produzido pode assumir esse papel.

7. Testes A/B: indispensáveis

Com os dito testes A/B, você tem a chance de testar suas ações e de acompanhar a receptividade do público sempre que lançar algum conteúdo em sua Landing Page. À medida que as pessoas vão dando feedbacks sobre suas experiências, você pode ir promovendo melhorias pontuais a fim de aumentar o número de acertos e, consequentemente, gerar cada vez mais leads.

Quantos mais testes puder fazer, melhor. Para isso, aumente o tráfego seja via mídias sociais, seja via mecanismos de buscas, só para citar dois a fim de colher o maior número possível de impressões. O resultado, embora não determinante, vai ajudá-lo a estabelecer um norte, um caminho a seguir nessa busca por leads qualificados.

8. Acessaram a oferta, mas não concluíram a compra? Aja!

Não é raro o caso de as pessoas acessarem uma oferta, a princípio, vantajosa e por uma razão qualquer não ir até o fim, ou seja, não concluir a compra ou o cadastro. Os motivos podem ser vários, mas você tem que trabalhar com o que tem em mãos: o interesse dessas pessoas pelo que a sua marca produz/oferece. Qual é o seu papel nesse processo? Pressioná-las, de alguma maneira, para que voltem à oferta e, enfim, concluam a ação. Use campanhas de Remarketing. Acredite: muitas vezes, os leads só precisam ser expostos mais uma vez a um produto ou serviço de interesse. Então faça a sua parte! Mostre, apresente as vantagens. Se achar válido, apresente uma condição especial. O que não vale é chutar para fora na cara do gol.

Queremos continuar com você esta conversa sobre Landing Pages. Temos certezas que estas e outras dicas, quando aplicadas no seu site, farão a diferença que você tanto busca e precisa. Esperaremos o seu contato. Escreva para a Tsuru Digital!